Há muito tempo se escuta falar de Linux, um sistema operacional de código aberto que tem n distribuições como Ubuntu, Mandriva, Kurumin, Suse, Red Hat e por aí vai! A questão que coloco aqui é que se o KDE (telinha bonitinha) não for muito semelhante ao do windows a migração de usuários leigos ficará muito difícil, visto que já foi um sacrifício para ele aprender a mexer no Windows eles não vão querer aprender tudo de novo!

Nos casos dos usuários intermediários temos outro problema que são os softwares que são utilizados por programadores, designers, arquitetos e empresas que trabalham com softwares porém só funcionam com windows. Apesar de ter uma grande variedade de softwares semelhantes para o Linux.

Linux x Windows

Mas quando se trata de usuários avançados como administradores de redes e servidores isso deixa de ser uma tarefa difícil. Muitas empresas e intituições governamentais já adotam isso pensando na redução de custo e etc. Muitos dizem que o linux tem mais segurança e é mais confiável que o windows, mas isso não posso dizer pois não conheço.

Se a Microsoft resolvesse trabalhar da mesma forma que as distribuições do linux trabalham que é não cobrar pelo desenvolvimento mas cobrar pelo suporte! Qual deles você escolheria? E se a Microsoft tivesse sua própria distribuição do Linux com a tela do Windows?


Você é novo por aqui? Assine o feed dos posts. Obrigado!
Você pode deixar um comentário, ou enviar um trackback do seu site.