Graph

Analisando o relatório “Taxas de rejeição de entrada” do Google Analytics percebi uma alta taxa de rejeição na página principal (mais de 87,7%!!!), tirei 10 minutos googleando e encontrei um serviço que supostamente poderia me ajudar a analisar melhor a situação. Trata-se do websiteoptimization.com (grátis) que analisa o tempo que o site demora a carregar e os pontos que merecem atenção, como o uso exessivo de scripts e imagens. É a diferença entre o usuário carregar o site e continuar a navegação ou ir embora antes mesmo de ver o primeiro post. Mas isso depende da conexão do usuário, certo? Certo, antes disso dei um pulo no relatório de “Velocidade da conexão”, também no Analytics, mas não ajudou muito:

Velocidade da conexão (Jul/06):

  • Unknown: 67,22%
  • Cable/DSL: 27,96%
  • Dialup: 3,34%
  • Corporate: 1,48%

Vou considerar que os 67% dos meus visitantes “desconhecidos” ainda usam internet discada movida ? manivela, logo, serão 70,56% das conexões como dialup. Então, como a banda-estreita reina, a brincadeira era deixar a parada mais exuta o possível, com menos scripts, imagens e objetos externos.

Para entrar de sola na redução de conteúdo alterei para 5 (antes 10) o número de posts exibidos na página inicial, isso vai reduzir a quantidade de imagens e tamanho do HTML. Também retirei alguns botões e um script que mostrava um anúncio aleatório do submarino. Fiz a revisão de alguns posts para manter imagens adicionais somente visíveis na página do post.

Após essas medidas o blog teve um ganho de 29.08 segundos na conexão dialup que representam menos 145907 bytes a serem carregados! Acho que é muito, mas vamos aguardar e ver se vai fazer efeito no relatório do Google Analytics.

São apenas alguns detalhes para manter seu site/blog mais enxuto, nem preciso dizer que um bom host é fundamental para o crescimento de seus visitantes e sua renda! 🙂


Você é novo por aqui? Assine o feed dos posts. Obrigado!
Você pode deixar um comentário, ou enviar um trackback do seu site.